sábado, outubro 09, 2004

 

 

Ser pai?


pat & tom curren Posted by Hello

Aqui vai mais um post dos antigos, daqueles que se encontram no blog antigo, data: 19 de Março de 2004 - dia do Pai!!

(legenda: pat e tom curren, respectivamente pai surfista, e seu filho, aquele que anos mais tarde se viria a tornar campeão mundial e uma das lendas do surf mundial!)

Hoje é dia do Pai. Como sempre, e em qualquer dia do Pai, as televisões não deixaram passar em claro a ocasião. Estava eu sentado no meu sofá da sala quando uma reportagem muito a condizer, vem mostrar o que é ser Pai.

Eis então, que dei comigo a pensar, já meio absorto e distante do ecrã, de como será ter um filho(a) nos braços, pela primeira vez? Tentei imaginar-me, porque eu adorava ter filhos, educá-los e protegê-los, ouvi-los dizer Pai, vê-los crescer e um dia poder dizer que algo de mim perdurará. Tentei... tentei imaginar-me e vi, nos meus pensamentos, um homem, nervoso, com uma tremura nas mãos, dando cada passo com extremo cuidado, olhar a enfermeira que carregava a sua cria nos braços. Vi um homem amedrontado mas sorridente, com um brilhozinho no olhar, um brilho que nunca antes se lhe havia visto, carregar aquele frágil ser, tentando transformar os seus braços em algodão, com extremo medo de magoar o seu filho. Vi aquele homem, já com a sua cria nos braços, olhá-la, abstraindo-se completamente do mundo, e em silêncio, contemplar o resultado dum amor, duma relação entre duas pessoas, de algo magico que havia sido fonte de vida. Vi-o então, sorrir olhando aquela face alva e fragil e... chorar. Lágrimas de alegria por um dia poder ser chamado de Pai.

É assim que eu imagino, o que será ser Pai.

Comments:
bem... eu n poxo imaginar o k é ser pai, ms poxo imaginar o k é ser mãe.... penso k a diferença n será muita.... ou nenhuma, km sabe?... um dia saberei, espero Magnolia******
 
Viva...
Sou o Pedro do Blog:
http://pedromalheiros.blogss.sapo.pt
A arte de pensar!
Venho aqui agradecer a visita, e dizer, que tem um Mágnifico, Blog...
Os meus Parabéns!
Pedro Malheiros
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?